Miquelina

ABRIR NO FORMATO DE IMPRESSÃO

DESCENDÊNCIA DE MIQUELINA

01.01.01.02.07  
02.00.00.00.00 – Miquelina
  Esposo: José Vasconcelos
  Filhos:    Alcides, Maria das Neves, Dagmar e Rosa D Alva
   
01.01.01.02.07  
02.01.00.00.00 – Alcides
  Esposa: Ilda
   
01.01.01.02.07  
02.02.00.00.00 – Maria das Neves
  Esposo: Durval Spinola
  Filhos:    Paulo, José, Hipácio e Walquiria.
   
01.01.01.02.07  
02.03.00.00.00 – Dagmar
  Esposo: Clovis Sarinho
  Filhos:    Marta, Maria, Clovis e José.
   
01.01.01.02.07  
02.04.00.00.00 – Rosa D Alva
  Esposo: Hermes Ferreira de Aguiar
  Filhos:   Wellington, Hermes,  Geraldo, Kleber, Maria, Ana Maria,
                Vera e Brena Lúcia
   
01.01.01.02.07  
02.04.01.00.00 – Wellington Hermes Vasconcelos Aguiar
  Esposa: Maria Rita Cabral de Aguiar (01.01.01.02.06/01.04), filha de

Antonio Lustosa Cabral e Maria José Rabelo Cabral (Zezé)

  Filhos:   Jaqueline e Rosa
                Descendência relacionada no item  01.01.01.02.06/01.00

 

WELLINGTON HERMES VASCONCELOS DE AGUIAR

WELLINGTON Hermes Vasconcelos de AGUIAR nasceu no dia 4 de maio de 1935, em João Pessoa. É filho de Hermes Ferreira de Aguiar e D. Rosa Dalva Cabral de Vasconcelos de Aguiar. É casada com a senhora Rita Cabral Aguiar, de cuja união nasceram duas filhas: Rosa Dalva e Jacqueline, esta já falecida.

Estudou no Colégio Santo Antônio, em Natal (RN); Colégio Pio X, em João Pessoa; Colégio Marista, no Recife; Colégio São José, em Nazaré da Mata (PE); e no Liceu Paraibano. Graduou-se em Direito pela Faculdade Nacional de Direito da Universidade do Brasil, Rio de Janeiro, em 1960. É licenciado em Vernáculo pela Universidade Federal da Paraíba e tem aperfeiçoamento, em nível de graduação, em Direito; possui, ainda, cursos de Extensão Universitária em diversas outras áreas.

Em João Pessoa, lecionou em colégios particulares e estaduais. Professor titular na Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais dos Institutos Paraibanos de Educação, onde lecionou as disciplinas Introdução ao Estudo do Direito e Filosofia do Direito. Em 1964, foi nomeado, por concurso, Promotor Público do Estado e exerceu, a partir de 1971, a função de Procurador do Tribunal de Contas do Estado.

Jornalista militante, mantém coluna permanente no jornal Correio da Paraíba e escreve com assiduidade nas Revistas do Instituto Histórico Paraibano e Academia Paraibana de Letras.

Na área educacional exerceu, entre outras, as funções de: Diretor da Documentação e Cultura da Prefeitura Municipal de João Pessoa; membro do Conselho Estadual de Educação; membro do Conselho Estadual de Cultura.

É sócio do Instituto Paraibano de Genealogia e Heráldica e da Academia Paraibana de Letras, onde ocupa a Cadeira nº. 12, tendo ali ingressado em 3 de abril de 1981. Na Academia exerceu vários cargos da Diretoria, inclusive a Presidência no período 1996/1998.

Em 1967, recebeu o título de Administrador Honorário, conferido pelos alunos concluintes do Curso de Administração Pública da Faculdade de Ciências Econômicas da UFPB. Recebeu a Comenda do Mérito Cultural “José Maria dos Santos”, do IHGP.

Publicou os livros: O Passageiro do Dia; Um Radical Republicano contra as Oligarquias, João Pessoa, A União, 1981; Uma Cidade de Quatro Séculos e Capítulos de História da Paraíba, em parceria com o professor José Octávio de Arruda Mello, Secretaria de Educação e Cultura, 1985; Cidade de João Pessoa – A Memória do Tempo, João Pessoa, Gráfica e Editora Persona, 1992; A Velha Paraíba nas Páginas de Jornais, João Pessoa, A União Editora, 1999; João Pessoa, Coleção Paraíba – Nomes do Século, João Pessoa, A União Editora, 2000.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

Informação do autor e arquivo do IHGP.

 

01.01.01.02.07  
02.04.02.00.00 – Hermes
   
01.01.01.02.07  
02.04.03.00.00 – Geraldo Kleber
   
01.01.01.02.07  
02.04.04.00.00 – Maria
   
01.01.01.02.07  
02.04.05.00.00 – Ana Maria
   
01.01.01.02.07  
02.04.06.00.00 – Vera
01.01.01.02.07  
02.04.07.00.00 – Brena Lúcia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DESCENDÊNCIA MARIA CÂNDIDA

 

01.01.01.02.07  
01.00.00.00.00 – Maria Cândida

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DESCENDÊNCIA MIQUELINA

 

 

01.01.01.02.07  
02.00.00.00.00 – Miquelina
  Esposo: José Vasconcelos
  Filhos:    Alcides, Maria das Neves, Dagmar e Rosa D Alva
   
01.01.01.02.07  
02.01.00.00.00 – Alcides
  Esposa: Ilda
   
01.01.01.02.07  
02.02.00.00.00 – Maria das Neves
  Esposo: Durval Spinola
  Filhos:    Paulo, José, Hipácio e Walquiria.
   
01.01.01.02.07  
02.03.00.00.00 – Dagmar
  Esposo: Clovis Sarinho
  Filhos:    Marta, Maria, Clovis e José.
   
01.01.01.02.07  
02.04.00.00.00 – Rosa D Alva
  Esposo: Hermes Ferreira de Aguiar
  Filhos:   Wellington, Hermes,  Geraldo, Kleber, Maria, Ana Maria,
                Vera e Brena Lúcia
   
01.01.01.02.07  
02.04.01.00.00 – Wellington Hermes Vasconcelos Aguiar
  Esposa: Maria Rita Cabral de Aguiar (01.01.01.02.06/01.04), filha de

Antonio Lustosa Cabral e Maria José Rabelo Cabral (Zezé)

  Filhos:   Jaqueline e Rosa
                Descendência relacionada no item  01.01.01.02.06/01.00

 

 

 

WELLINGTON HERMES VASCONCELOS DE AGUIAR

WELLINGTON Hermes Vasconcelos de AGUIAR nasceu no dia 4 de maio de 1935, em João Pessoa. É filho de Hermes Ferreira de Aguiar e D. Rosa Dalva Cabral de Vasconcelos de Aguiar. É casada com a senhora Rita Cabral Aguiar, de cuja união nasceram duas filhas: Rosa Dalva e Jacqueline, esta já falecida.

Estudou no Colégio Santo Antônio, em Natal (RN); Colégio Pio X, em João Pessoa; Colégio Marista, no Recife; Colégio São José, em Nazaré da Mata (PE); e no Liceu Paraibano. Graduou-se em Direito pela Faculdade Nacional de Direito da Universidade do Brasil, Rio de Janeiro, em 1960. É licenciado em Vernáculo pela Universidade Federal da Paraíba e tem aperfeiçoamento, em nível de graduação, em Direito; possui, ainda, cursos de Extensão Universitária em diversas outras áreas.

Em João Pessoa, lecionou em colégios particulares e estaduais. Professor titular na Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais dos Institutos Paraibanos de Educação, onde lecionou as disciplinas Introdução ao Estudo do Direito e Filosofia do Direito. Em 1964, foi nomeado, por concurso, Promotor Público do Estado e exerceu, a partir de 1971, a função de Procurador do Tribunal de Contas do Estado.

Jornalista militante, mantém coluna permanente no jornal Correio da Paraíba e escreve com assiduidade nas Revistas do Instituto Histórico Paraibano e Academia Paraibana de Letras.

Na área educacional exerceu, entre outras, as funções de: Diretor da Documentação e Cultura da Prefeitura Municipal de João Pessoa; membro do Conselho Estadual de Educação; membro do Conselho Estadual de Cultura.

É sócio do Instituto Paraibano de Genealogia e Heráldica e da Academia Paraibana de Letras, onde ocupa a Cadeira nº. 12, tendo ali ingressado em 3 de abril de 1981. Na Academia exerceu vários cargos da Diretoria, inclusive a Presidência no período 1996/1998.

Em 1967, recebeu o título de Administrador Honorário, conferido pelos alunos concluintes do Curso de Administração Pública da Faculdade de Ciências Econômicas da UFPB. Recebeu a Comenda do Mérito Cultural “José Maria dos Santos”, do IHGP.

Publicou os livros: O Passageiro do Dia; Um Radical Republicano contra as Oligarquias, João Pessoa, A União, 1981; Uma Cidade de Quatro Séculos e Capítulos de História da Paraíba, em parceria com o professor José Octávio de Arruda Mello, Secretaria de Educação e Cultura, 1985; Cidade de João Pessoa – A Memória do Tempo, João Pessoa, Gráfica e Editora Persona, 1992; A Velha Paraíba nas Páginas de Jornais, João Pessoa, A União Editora, 1999; João Pessoa, Coleção Paraíba – Nomes do Século, João Pessoa, A União Editora, 2000.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

Informação do autor e arquivo do IHGP.

 

01.01.01.02.07  
02.04.02.00.00 – Hermes
   
01.01.01.02.07  
02.04.03.00.00 – Geraldo Kleber
   
01.01.01.02.07  
02.04.04.00.00 – Maria
   
01.01.01.02.07  
02.04.05.00.00 – Ana Maria
   
01.01.01.02.07  
02.04.06.00.00 – Vera
   
01.01.01.02.07  
02.04.07.00.00 – Brena Lúcia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   
01.01.01.02.07  
03.00.00.00.00 – Balbina
  Esposo: Francisco de Araújo Rabelo
  Filhos:    Alfeu Rabelo, Maria José, Maria de Lourdes (Dourinha),
                 Bento e Antônio
   
01.01.01.02.07  
03.01.00.00.00 – Alfeu Rabelo
  Esposa:
  Filhos:    Lúcio,
   
01.01.01.02.07  
03.01.01.00.00 – Lúcio Rabelo Cabral
  Esposa: Anete

 

Anos 50
No mesmo ano da posse de Juscelino Kubistchek, 1956, nasce na Paraíba a Associação dos Bancários de Campina Grande, fruto da idéia de um líder bancário de Pernambuco, João Aparecido Lustosa Cabral. A associação passa
a ser um sindicato tendo como seu primeiro presidente, Lúcio Rabelo. Na posse de Rabelo, uma presença marcante, João Goulart.

A principal reivindicação daquela época era o pagamento das horas extras e melhores condições de trabalho para os funcionários. No final dos
anos 50, o Banco Industrial de Campina Grande punia com demissão o funcionário que se associasse a ao sindicato.

 

 

01.01.01.02.07  
03.02.00.00.00 – Maria José Rabelo Cabral (Zezé)
  Esposo: Antônio Lustosa Cabral (01.01.01.02.06/01)
  Filhos:   Maria Nazareth, Maria Nícea, Maria Rita, Tarcísio, Antônio,
                Maria Josefina, Fernando, Maria do Céo e João Bosco.
                (descendência relacionada no item 01.01.01.02.06/01).